Verdades Ocultas ♡
Home Follow Twitter Ask Tumblr Fotolog Mar


About:
Margarida,perfeita para caber num bolso,e para conseguir ocupar um livro.Gosta de tudo que faça reviver as boas memórias,mesmo deixando-a triste por um momento.
Things

True love never dies.

Quote

Sometimes you have to be apart from the people you love,but that doesn't make you love them, any less. Sometimes,you love them more.
Credits

Layout designed by Hanna
Original layout by Yani Lavigne
Images from XX
Hosted by Blogger Youtube and photobucket
#322 domingo, 19 de fevereiro de 2012 >>06:40
BACK TO TOP? | 10 Left Blogprints: Post a Comment

Carta para ti:

Há muito tempo que ando distante das pessoas,e que mesmo quando estou no meio delas sinto-me sozinha,porque penso em ti.As coisas complicaram-se tanto desde a nossa última conversa,essa foi uma discussão e a partir daí já estávamos acabados.Eu não o queria admitir,as pessoas estavam sempre a disser-me o mesmo,mas eu amava-te demasiado para ligar ao que elas diziam.Passei por várias fases,a primeira foi de ficar deprimida,a segunda foi a de negação (que demorou mais tempo),a terceira foi a de ficar melhor,e a quarta,esta agora,é de aceitação,é definitivo que tu foste embora. Custou-me tanto ver-te a ir embora pouco a pouco,ao saíres da minha vida,ao sair da tua,e mais tarde ao saíres da minha vista,porque mudaste de escola.E aí as pessoas pensavam que eu ia ficar melhor,já não estavas cá portanto eu iria melhorar queriam elas acreditar,mas não,nada disso,simplesmente afastei-me do mundo e finjo estar sempre bem.Mas quando te vejo em qualquer parte do meu destino caí-me sempre a máscara de forte,eu não consigo evitar as saudades e muito menos os sentimentos.No verão eu prometi que ficava melhor,estava na minha reabilitação e sinceramente com a minha cabeça noutros lugares a vida estava mesmo a começar-se outra vez a compor-se,até que te vi,e finalmente percebi,eu estava destinada a ser "miserável" na história,e por onde eu vá tu também vais estar lá,afinal não moramos noutra galáxia.
Eu debato-me todos os dias contra a vontade de "sem querer" ver-te,e faço de tudo para não pedir novidades,o meu próprio conselho é o melhor a seguir,tu estás vivo e isso devia-me chegar.Depois foi a notícia que tinhas acabado com a tua namorada,a rapariga de quem sempre gostaste,e mais tarde a tua nova namorada aí da escola.Foi um bombardeamento de notícias chocantes.E o que é que podia fazer?tu estavas na tua vida muito bem,eu é que estava sempre a mais.
Voltei a ajudar as outras pessoas,sendo o seu cúpido,o seu anjo da guarda do amor,fez-me bem ter algo a mais na minha vida sem seres tu,até que reparei que no meio das pessoas todas felizes estava eu infeliz.
Esta carta é um quarto do que eu realmente queria-te disser,porque para saberes tudo aquilo que eu passei tinhas de ler o meu "diário da tua ausência" no meu fotolog.Foram dias e dias,e mesmo assim espero que estejas feliz,eu faço o que posso para o estar.Então felicidades,e pode ser que um dia nos cruzámos na rua e sorrias para mim como antigamente,pode ser que te retribua.

Da tua amiga Bi.

Older Posts Newer Posts